Memoria Imaterial CRL
Instituto de Estudos de Literatura e Tradição - patrimónios, artes e culturas

M E M O R I A M E D I A

e-Museu do Património Cultural Imaterial

O professor

nome:
João Sousa
ano nascimento:
1926
freguesia: Zebreira
concelho:
Idanha-a-Nova                                             
distrito:
Castelo Branco
data de recolha: Setembro 2010
 
 
 

Dados de inventário
  • O professor
  • Idanha-a-Nova

    "O professor" - Memórias sobre os métodos duros de um professor durante o ensino primário.

    João Sousa, Ano de nascimento 1926.

    Idanha-a-Nova

    Registo 2010.

Transcrição
  • O Professor

     

    «Oh! Quando andava na escola, na escola primária, tínhamos um professor que era um pouco… Dava castigos duros e a gente tinha muito medo…Mas também tinha a fama de ser muito feio.

     

    Bom e estávamos na aula de Gramática  e haviam dois alunos em cada carteirinha(1), naquele tempo. Chamou o que estava ao meu lado.

     

    Foi à frente, ao senhor professor.

     

    - Diga lá uma frase!

     

    Não soube! Não soube, ele (como disse, à pouco, castigava forte) pegou-lhe plas(2) orelhas, atirou com ele ao ar. Caiu no chão, *ficou feito num bolo*(3)!

     

    A seguir, era eu! Calculem como é que eu fiquei! E dizia eu pra(4) comigo: como é que eu me vou safar?! Eh, o professor:

     

    - Vem cá tu.

     

    Lá fui.

     

    - Diz lá uma frase.

     

    - O senhor professor é muito bonito!

     

    - Ai, sou?!

     

    Pega-me plas orelhas, toca a seguir comigo! Caí também, fiquei feito num bolo!  Não me safei! E esta foi verídica, aconteceu comigo.»

     

    João Sousa, Zebreira, Idanha-a-Nova, Setembro de 2010

    Glossário:

    (1) Carteirinha – mesa, inclinada ou não, destinado ao estudo.

    (2) Plas – pelas (redução de “pela”,  de uso informal e coloquial).

    (3) Ficar feito num boloficar em mau estado.

    (4) Pra – “para” (redução da preposição “para”usadade modo informal e coloquial, reprodução da pronúncia).

    Na construção deste glossário consultaram-se: http://aulete.uol.com.br;http://www.priberam.pt.http://www.infopedia.pt

     

     

     

     

     

     

     

     

Caracterização
    • Caso/episódio de história de vida.
Identificação
  • O professor
  • João Sousa
  • 1922
Contexto de produção
Contexto territorial
  • Idanha-a-Nova, Biblioteca Municipal de Idanha-a-Nova
Contexto temporal
  • Hoje sem periodicidade certa. Encontros informais e iniciativas do Município de Idanha-a-Nova
Manifestações associadas
  • Transmitidas aos serões, em quotidianos de trabalho e lazer.
Contexto de transmissão
  • Estado de transmissão
    • activa
  • Residentes do concelho de Idanha-a-Nova em festas e romarias locais e em iniciativas do Município, Centro Cultural e Biblioteca de Idanha-a-Nova. Principais actividades desenvolvidas e que promovem estas manifestações culturais:

    Festas e Romarias

    Romaria da Nossa Senhora do Almortão

    Romaria de Nossa Senhora da Graça

    Festa do Divino Espírito Santo

    Os Mistérios da Páscoa

    Festa das Cruzes Monsanto

    Festa do Espírito Santo Ladoeiro

    Festa de Nossa Senhora da Conceição Penha Garcia

    Projectos

    Projecto Oralidades

    Festivais

    Festival de acordeonistas e tocadores de concertinas

     

    (Ver links em documentação)

Equipa responsável
  • José Barbieri e Filomena Sousa
  • José Barbieri
  • Maria de Lurdes Sousa
  • José Barbieri - realização do documentário (ver link em documentação)


 

Visite a nova exposição virtual!

PCI Livro

PATRIMÓNIO CULTURAL IMATERIAL
MEMORIAMEDIA e-Museu - métodos, técnicas e práticas

+ MEMORIAMEDIA